Imprimir

Entrevista exclusiva com o grupo 70x7, vencedor do Hip Hop Cerrado

Escrito por Marcelo em . Postado em Informativo

70x7Trocamos uma ideia com o Jailton e Alex do grupo 70x7 e conhecemos um pouco do trabalho e da caminhada dos caras que, diante das dificuldades, resolveram unir forças de dois grupos para realizar o sonho de lançar um CD. Confira:

70x7 é formado pela união de dois grupos: Réus (Jailton, Alisson, Lucas, Idenilson) e HC3 (Paulo Sérgio, Alex, Dr. Paulo, Diego Dilema). O grupo nasceu por ter ideias parecidas e pela necessidade de unir forças. Essa união deu origem ao cd “Perdão e Igualdade”, trabalho que tem a participação de Markão Aborígine, Quadrilha Intelectual, NexxToYou, Real do Contra Sistema, Isaias do Provérbio x, Kelly, Lauren Priscila, Paralelo Sônico, FW, Marcelo Grupo pontocom, Giovani Cahegi, Reno e Leoyehudi.

1) Correria Rap - Quais são os componentes 70x7 e quando o grupo surgiu?

Jailton – O grupo é formado por mim (Jailton), Alisson, Lucas, Idenilson, Paulo Sérgio, Alex, Dr. Paulo e Diego Dilema. Não sabemos a data certa do surgimento. Morávamos próximos. Cada um fazia seu trampo e não tínhamos condições de, com velocidade, colocar nossos trabalhos na rua. Então, a gente resolveu se unir (Réus e HC3), pra fazer um CD. Daí veio a ideia do 70x7: Perdão e Igualdade. Resolvemos nos unir por termos ideias parecidas.

2) Correria Rap - Tem algum público que vocês direcionam suas músicas ou pro rap não há fronteiras?

Jailton - Nosso trabalho é voltado pra todas as periferias do Brasil, que precisam de uma voz.

Alex – Às vezes atingimos até quem não estamos de acordo. Não que estamos 100% certo. Estamos abertos a críticas, mas queremos parar com essa ideia de um achar que um é melhor que o outro. Queremos o povo unido e que a periferia venha ser exaltada. E com os nossos projetos procuramos isso. Por exemplo, tem o projeto do futebol voltado pras crianças, o projeto Livro Lido Livro Livre. Procuramos levar nossa música, assim como levamos esses projetos sociais pra periferia.

3) Correria Rap - Como foi ficar em primeiro lugar no Festival Hip Hop Cerrado?

Jailton – Foi uma surpresa muito grande. Tinha 126 grupos. A gente confia no nosso talento, mas, realmente, foi uma surpresa e tem ajudado bastante a nossa caminhada.

4) Correria Rap - Sobre o cd 70x7 Perdão e Igualdade. Fale um pouco sobre o processo de produção e participações.

Jailton - Nós Lançamos o cd, mas não é o da premiação do Festival Hip Hop do Cerrado. Esse cd (70x7 – Perdão e Igualdade) é independente. Unimos os dois grupos Réus e HC3 e lançamos.

Alex - Algumas músicas já estavam prontas. E pra fazer as outras a gente reunia e trocava ideia, cada um com seu tema, e quando finalizada a gente ia pro studio. O cd tem várias participações: Markão Aborígine, Quadrilha Intelectual, NexxToYou, Real do Contra Sistema, Isaias do Provérbio x, Kelly, Lauren Priscila, Paralelo Sônico, FW, Marcelo do Grupo Pontocom, Giovani Cahegi, Reno e Leoyehudi.

5) Correria Rap - Quais são as influências do grupo?

Jailton – São várias, já que são várias pessoas no grupo, mas as minhas, particularmente, são Facção Central e Racionais MC’s.

Alex – Eu sempre escutei mais rock. Comecei, na verdade cantado rap core de 2003 pra 2004. Minha infância foi mais rock. Os primeiros grupos de rap que escutei foram Provérbio X e Juízo Final. Não tenho uma influência determinada. Procuro escutar pessoas que tenham conteúdo. Hoje, particularmente, estou escutando muita música de grupos independentes, de vários estilos, mas principalmente rap. To escutando Markão aborígine, Tráfico sonoro, Quadrilha Intelectual, Réus, Domínio Público, Cahegi, Unidade Racial, Damas de Honra e vários Outros.

6) Correria Rap - Tem algo que não perguntamos e vocês gostariam de falar?

Alex – Agradecemos, primeiramente a Deus, nossos familiares que nos abraçam e dá “aquele incentivo”. Fazemos esse CD (70x7 – Perdão e Igualdade), mas, muitas vezes, mais distribuímos do que vendemos porque o cd é uma grande alegria. Então, queremos agradecer essas pessoas que sempre nos incentivam com palavras e apoio. Agradecer as pessoas que participaram do nosso trabalho e nos ajudaram muito: Alisson, Lucas, Idenilson, Paulo Sergio, Diego Dilema e ao Dr. Paulo. A todos as pessoas que abraçaram a ideia e tão do nosso lado.

7) Deixa um salve para as pessoas que acessam o Correria Rap e que curtem o som de vocês.

Jailton – Agradeço ao Correria Rap pelo espaço, a rapaziada que acessa ao site e “tamo junto” 70x7, Réus e HC3.

Alex – Agradecemos muito ao Correria Rap e as pessoas que fazem parte do site. Falo para as pessoas não deixarem de acessar porque Correria Rap são pessoas de correria e de postura. Um salve para toda galera que esta vendo. Deus abençoe a todos.

Contato: http://palcomp3.com/RAP70X7/musicas.htm

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar