Imprimir

Criolo e Mamão encerram polêmica sobre suposto plágio

Escrito por Marcelo em . Postado em Internacional

CrioloSegundo o site Tribuna de Minas o rapper Criolo e compositor Armando Fernandes Aguiar, o Mamão, se falaram por telefone e chegaram a um acordo sobre a polêmica gerada entre as semelhanças das músicas "Tristeza pé no chão" e "Linha de frente". Confira:

Após ganhar destaque a discussão sobre a semelhança entre as músicas "Tristeza pé no chão", do compositor juiz-forano Armando Fernandes Aguiar, o Mamão, e "Linha de frente", rapper Criolo, os artistas conversaram por telefone e garantem ter encerrado a polêmica. "Ele me ligou, foi muito gentil, e disse que não teve a intenção de plagiar. Falou ainda que pretende conhecer mais a minha obra. Eu disse que ainda tem muito tempo para isso. Ele é um garoto novo. Desejo a ele muito sucesso e que continue batalhando. Vida que segue", disse à Tribuna o compositor Mamão, que completou 76 anos no último domingo.

A assessoria de imprensa de Criolo confirmou o contato entre os artistas "para esclarecer qualquer mal entendido. Ambos ficaram satisfeitos com a conversa e desejam encerrar a polêmica", informa a nota enviada à Tribuna nesta segunda (25).

Sobre o pagamento de possíveis direitos autorais, Mamão disse que o compositor paulista já teria entrado em contato com a EMI (gravadora que editou "Tristeza pé no chão") para resolver quaisquer pendências.

Gravadas com uma diferença temporal de quase 40 anos, as canções chamam a atenção pela melodia, principalmente na primeira estrofe da gravação mais recente. Na semana passada, Mamão chegou a classificar o suposto plágio como "escandaloso".

Fonte: Tribuna de Minas

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar